guns ain't roses

guns ain't roses

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Os zeróis

Uma família de "zé-ninguéns" posa para a foto de um jeito tão deles que chega a ser cômico.Chamam-os de "zeróis",mas é o retrato da família brasileira de classe baixa,muitas vezes até mais baixa do que pensamos,que provavelmente nunca teve chance de viver com coisas que muitos de nós consideram triviais,mas para eles são regalias.São zeros à esquerda,mal tem o que comer,mas são e talvez até mais,heróicos do que os repudiam.Aliás,o conceito de heróico sobrevive mais neles do que em qualquer outro lugar nesta sociedade atual.
Ser herói hoje em dia é sobreviver quando não se há condições nenhuma de se lutar pela sobrevivência.Que armas uma família,que é considerada "indigente", tem contra um mundo que faz as regras a seu próprio favor?Que armas ela tem quando mal consegue colocar um pedaço de pão na boca de uma criança faminta?Que armas ela tem quando nem ao menos é reconhecida pela sua própria mãe-Pátria,quando às vezes ela não existe nem ao menos como cidadão?Eu lhe digo: ela não tem armas.Ela luta com o corpo,dia pós dia,exaustivamente até que lhe reste só um último suspiro,um suspiro de sobrevivente para dizer "Eu lutei um bom combate e cheguei até aqui".
Em um país cuja população tem cerca de 10,5% do seu total vivendo em condições miseráveis,sobreviver sem nenhuma perspetiva de crescimento é louvável.Porque o país te auxilia com um Bolsa-Escola se você tiver seu filho na escola.Mas,como colocá-lo para estudar quando ele tem que ajudá-lo no trabalho?Se 45 milhões de pessoas foram auxiliadas com 0,4% do PIB brasileiro,os leitores hãos de convir que há muito mais a ser feito.
Não basta um Fome Zero,há muito mais a ser feito.As pessoas precisam de empregos,de educação,de saúde.São todos pó do mesmo chão e ainda sim,não são vistos assim.Os zeróis deveriam orgulhar-se por vencer o cada dia,mas deveriam ter junto deles "meninos-prodígios" educados e saudáveis para lutarem juntos porque só assim vão poder vencer a grande batalha da vida.


Redação para o colégio.Vocês gostaram?

2 comentários:

Cláudia Machado disse...

Goatei muito do seu texto! Sim, os zeróis são realmente super-heróis, por terem que lutar das formas mais inimágináveis para sobreviver até o dia seguinte. É uma realidade muito triste, e infelizmente muito presente no Brasil. Falta-lhes a base da vida: a educação, que além de ser muito precária, nem sempre lhes é permitida.
Realmente adorei seu texto!
Beijos

malditovivant.com disse...

Gostei bastante do seu Txt..ainda mais qdo vc usou a expressão...pó do mesmo chão.

Qto vc tirou ?

Bjos